Respiro fundo, posiciono o pé direito antes de abrir a porta, me benzo secretamente e conto até três. Aperto o botão da campainha, me identifico e a porta se abre. Eu a empurro, entro com meu pé direito devidamente calçado num scarpin Schutz de salto quadrado que comprei no Mercado Livre, num leilão disputadíssimo. Um escândalo de lindo! Fui praticamente obrigada a comprá-lo por causa do critério: preço + beleza + uma insônia infernal que me atacou numa madrugada solitária dia desses em São Paulo…